Mentoria para Mães: como ajudar outras mulheres nessa linda jornada

Você sabia que as mulheres trabalham, em média, 7 horas a mais por dia do que os homens? Entre afazeres domésticos, carreira, cuidado com os filhos e a família, elas estão cada vez mais sobrecarregadas. Este é o seu caso?

Pois saiba que é possível conciliar tudo isso e ainda ser uma boa mãe, que dedica tempo aos filhos e que vê a maternidade tal como ela é: uma dádiva. 

Uma das formas de vencer suas barreiras e se tornar a mãe que gostaria de ser é procurar uma mentoria para mães.

Ainda não conhece este serviço? Então continue a leitura e saiba tudo sobre o assunto!

mentoria para mães
Mãe trabalhando em casa em uma mentoria para mães

O que é mentoria para mães?

Mentoria é um processo de ensino e aprendizado, em que uma pessoa mais experiente transmite seu conhecimento a outra menos experiente.

No caso da mentoria para mães, uma mulher que já é mãe e se saiu bem nessa missão aproveita a experiência que teve para ajudar outras mulheres a superarem suas barreiras, como conciliar trabalho e família, cuidar de um bebê recém-nascido ou mesmo ter tempo para si mesma enquanto faz tudo isso.

Por que uma mentoria para mães?

Se você é mãe ou está prestes a dar à luz e está com dificuldades, contar com uma mentora pode ser um grande diferencial na sua vida. Isso porque você contará com o apoio de quem entende os seus problemas na prática e já os superou.

Com essa troca de conhecimentos, você será capaz de superar os desafios de ser mãe com mais rapidez e sem tantos traumas.

Agora, se você é mãe e se deu super bem nesse papel, pode criar sua própria mentoria para mães. Além de ajudar outras mulheres com a sua experiência, você ainda vai construir um negócio próprio, com a possibilidade de ganhos infinitos.

Como empreender com uma mentoria para mães

A maior vantagem de abrir seu próprio negócio de mentoria para mães é que você não precisa de dezenas de diplomas na parede. Sua experiência é o que conta neste tipo de serviço, e mais, você tem experiências sobre o assunto.

Mas, para que você se torne uma mentora de sucesso, precisa seguir alguns passos. Confira:

Defina um nicho de atuação

Ser mãe de um bebê recém-nascido é muito diferente de ser mãe de um adolescente. Nesse sentido, vale a pena escolher qual grupo de mulheres você quer ajudar com a sua mentoria para mães.

Além de facilitar na hora de desenvolver o seu método (falaremos sobre isso na sequência), ter um público-alvo bem definido melhora sua capacidade de diálogo com suas futuras mentoradas e também ajuda a estruturar melhor sua estratégia de marketing.

Mobilize a estrutura

Uma das maiores vantagens da mentoria é que você não precisa de uma grande infraestrutura para começar. Justamente por esse motivo ela é uma das melhores formas de ganhar dinheiro atualmente.

Tudo o que você precisa é um computador ou celular, acesso à internet e algumas horas de dedicação por dia. Mesmo que você trabalhe em uma empresa atualmente, é possível começar seu negócio de mentoria para mães dedicando duas ou três horas no final de semana.

Assim, você pode migrar de atuação profissional gradativamente, desenvolvendo algo em que acredita e que pode ajudar milhares de mulheres no mundo todo.

Desenvolva seu método

Depois de ter identificado o perfil de mães que você deseja ajudar, é hora de de desenvolver o seu método. Ou seja, como você vai transmitir o seu conhecimento para essas mulheres.

O ideal é que você primeiro crie uma estrutura de tópicos a serem abordados na sua mentoria. Isso ajudará a entender quanto tempo ela deverá durar, quais serão os módulos e como será a jornada de aprendizado das suas mentoradas.

Divulgue sua mentoria para mães

O terceiro passo é a divulgação dos seus serviços. Você pode fazer isso antes mesmo de ter desenvolvido todo o conteúdo da sua mentoria. Afinal, à medida que for conversando com potenciais clientes, poderá entender melhor o que elas precisam e desenvolver um conteúdo mais alinhado com os problemas que elas enfrentam.

Para atrair clientes de forma mais rápida, o ideal é que você faça anúncios pagos em redes sociais como o Instagram e o Facebook. Muitas mães estão em busca de dicas em páginas especializadas em maternidade.

Crie conteúdos que ajudem essas mulheres a resolver problemas do dia a dia e vá construindo uma comunidade em torno da sua marca e da sua mentoria para mães.

Coloque sua mentoria em prática

Quando tiver formado seu primeiro grupo de mentoradas, dê as boas-vindas a elas e comece a desenvolver o conteúdo da sua mentoria de acordo com as impressões que você teve ao conversar com elas.

Colete feedbacks constantemente para ir melhorando sua mentoria módulo a módulo, de forma que todas se sintam satisfeitas com as soluções que você está trazendo.

Uma boa prática é estar disponível para dar conselhos ou ajudar em questões específicas, seja por WhatsApp ou encontros ao vivo. Ou seja, auxiliar outra mãe no momento em que ela mais necessita.

Avalie os resultados e repita o processo

Concluída a primeira turma de mentoradas, tire um tempo para avaliar o que foi positivo e como você pode melhorar o seu processo para o próximo grupo. Você pode ter um caderno de lições aprendidas para acompanhar a evolução do seu negócio de mentoria para mães.

Então, recomece todo o processo, fazendo uma nova divulgação e recebendo um novo grupo de mães para a mentoria. Gostou da ideia de abrir sua mentoria para mães?  

Se você gostou desse artigo, não deixe de conferir outros assuntos sobre maternidade aqui em nosso blog. Compartilhe com seus amigos e nos siga em nossas redes sociais. Obrigada e até a próxima!